Exposições a decorrer

Exposição: “Empty space of the Unknown / Nothing Is Right Now”

De 7 a 15 de novembro de 2019 (dias úteis, das 8h às 19h30) | Galeria de Ciências (Edifício C4)

imagem da exposição

A exposição "Empty space of the Unknown / Nothing Is Right Now" é o resultado final de uma residência artística de Katrin von Lehmann no SAP Lab (Science-Art-Philosophy Laboratory do Centro de Filosofia das Ciências da Universidade de Lisboa (CFCUL)), da qual fez parte uma série de conversas entre a artista e um pequeno grupo constituído por Investigadores da Ciência e da Filosofia, que se reuniu, em Ciências ULisboa, uma vez por semana num total de cinco sessões, em torno de um tema fundamental: os processos criativos e as práticas de experimentação em Ciência.

Baseado nesses encontros, Katrin von Lehmann continua assim o seu projeto (Part 3) que consiste numa pesquisa sobre o desenho usando o método artístico de experimentação.

A artista tem já um longo percurso de trabalho com cientistas, tendo realizado residências na Alemanha (Observatório Meteorológico Lindenberg 2009, e Max-Planck-lnstitute of History of Science, Berlin 2012, 2013), na Noruega (Geophysical lnstitute Bergen 2014, 2015 e Max-Planck-lnstitute of Molecular Genetics 2012-2016) e também em Portugal (Universidade dos Açores, Departamento de Oceanografia e Pescas 2018).

Saber mais: https://ciencias.ulisboa.pt/pt/evento/07-11-2019/empty-space-of-the-unknown-nothing-is-right-now-part-3
Crónica da Catarina Pombo Navais sobre a Exposição: https://ciencias.ulisboa.pt/pt/noticia/11-11-2019/empty-space-of-the-unknownnothing-is-right-now-part-3 


 

Exposição: “Plasticus maritimus, uma espécie invasora”

De 17 de outubro até 16 de dezembro de 2019 (dias úteis, das 8h às 19h30) | Átrio do Edifício C6

Ilustração do livro "Plasticus maritimus, uma espécie invasora" - Autores: Ana Pêgo e Isabel Minhós Martins - Ilustrações: Bernardo P. Carvalho - Editora: Planeta Tangerina

Ilustração do livro "Plasticus maritimus, uma espécie invasora" - Autores: Ana Pêgo e Isabel Minhós Martins - Ilustrações: Bernardo P. Carvalho - Editora: Planeta Tangerina

Plasticus maritimus é o "nome científico" de uma "espécie exótica marinha" que tem proliferado em todos os oceanos e praias do mundo. É uma "espécie invasora", bem adaptada a todos os ambientes, que representa uma grande ameaça para as comunidades biológicas nativas e, por consequência, para o Homem. Nesta exposição, da autoria de Ana Pêgo, podem observar-se exemplares desta "espécie" que tem dado à costa em praias do nosso país. Ana Pêgo é bióloga marinha, trabalhou no Laboratório Marítimo da Guia e nos últimos anos tem-se dedicado a projetos no âmbito da educação ambiental, nomeadamente com a Fundação Calouste Gulbenkian. É ainda autora do livro "Plasticus maritimus", que já vai na 3.ª edição.

Biografia da autora:
Ana Pêgo estudou Biologia Marinha e Pescas na Universidade do Algarve e foi bolseira de investigação durante vários anos. Um dos locais onde trabalhou foi o Laboratório Marítimo da Guia. Em 2012 começou a dedicar-se à educação ambiental, associando ciência e arte. A constatação e crescente preocupação com o “lixo marinho” levou a que aprofundasse conhecimentos e criasse projetos educativos sobre este tema. Em dezembro de 2015 criou a página Plasticus maritimus para partilhar os achados que dão à costa nas nossas praias. Desde então, este tema tornou-se o seu principal foco de trabalho, explorado em forma de ateliers, palestras, formações de professores ou exposições, que tem vindo a realizar em escolas de todo o país e instituições como a Fundação Calouste Gulbenkian, o Centro Cultural de Belém (CCB) ou o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT). Há um ano lançou o livro “Plasticus maritimus, uma espécie invasora”, que escreveu com Isabel Minhós Martins. A obra é ilustrada por Bernardo P. Carvalho e editada pela Planeta Tangerina.

Saber mais sobre o projeto: Facebook | Livro

 


Exposição: “Vista para o Mar”

Até 29 de novembro de 2019 (dias úteis, das 8h às 19h30) | Átrio do Edifício C6

“Vista para o Mar “ é uma exposição de fotografia subaquática de espécies surpreendentes e comuns, habitats nacionais e exóticos propondo assim um encontro com o mar. As fotografias são de Emanuel Gonçalves, biólogo marinho, professor universitário e investigador do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente.

 


Exposição: "Formas & Fórmulas"

Permanente | Departamento de Matemática (C6 - Pisos 1 e 2)
 

Exposição formas e fórmulasA exposição Formas & Fórmulas mostra como imagens e conceitos da Geometria e da Álgebra interatuam e se completam, ligando fórmulas matemáticas com modelos geométricos, com objetos de uso comum e com formas de arquitetura.
O evidenciar de linhas e superfícies matemáticas e as suas múltiplas visualizações permite criar novos elementos e novas formas, potenciando outras relações e outras visões, concretamente com a Arte.
Esta exposição dá assim uma nova dimensão à célebre observação de Lagrange, com mais de duzentos anos: “Enquanto a Álgebra e a Geometria estiveram separadas, o seu progresso foi lento e o seu uso limitado; mas uma vez que estas ciências se uniram, elas deram uma à outra um apoio mútuo e rapidamente avançaram juntas para a perfeição” Lagrange, 1795.